No bairro crescentemente trendy de Karlin vamos encontrar um enigmático edifício apalaçado de dimensões consideráveis. O que será, ou melhor, o que terá sido aquilo? O visitante que encontrar por acaso Invalidovna, poderá não encontrar uma resposta rápida.

Na realidade Invalidovna foi inspirado no famoso Les Invalides parisiense, construído a mando de Napoleão para apoiar os seus veteranos estropiados e desfavorecidos. Uma instituição social militar que Petr Strozzi decidiu replicar em Praga.

E aqui surge nova surpresa. Quem é este Petr Strozzi? Um florentino. A família Strozzi, referenciada pela primeira vez no século XIV, era então um dos clãs predominantes em Florença, tendo o pai de Petr ganho a propriedade de Hořice como recompensa de mérito em combate.

O busto de Petr Strozzi em frente ao portão principal do edifício
O busto de Petr Strozzi em frente ao portão principal do edifício

Petr Strozzi seguiu a vocação militar do seu pai e foi ferido na batalha de Allesandria della Paglia, no norte de Itália. Passa um ano em convalescença, e é durante esse período que a sua consciência social se revela. Apercebe-se do terrível destino de muitos dos homens que combateram a seu lado, gente sem meios, abandonados ao seu destino depois de feridos.

E decide usar a sua propriedade de Hořice para a construção de uma instituição de apoio social para veteranos do Império Austro-húngaro. Contudo o projecto foi rejeitado. O imperador Carlos VI faz questão que o edíficio se localize em Praga, e Strozzi adquire terras em Špitálské, onde actualmente podemos ver Invalidovna.

Em Agosto de 1732 o próprio imperador colocou a primeira pedra da obra. O projecto era ambicioso e o seu autor, em claro estilo barroco, foi o arquitecto vienense Josef Emanuel Fischer von Erlach.

invalidovna-02

Nove edifícios em redor de um pátio. No final, apenas um destes edifícios foi construido e o máximo de hóspedes atingido foi de 1200. Mesmo assim o complexo cumpriu as suas funções até 1935, altura em que a instituição foi transferida, ironicamente para a propriedade inicialmente doada para o efeito por Petr Strozzi, em Hořice. 

Uma curiosidade: o edíficio teve um papel no filme Amadeus (1984), de Milos Forman. Foram aqui filmadas as cenas que decorriam no asilo de lunáticos.

Como todo o bairro de Karlin, o edifício foi severamente danificado pelas grandes cheias de 2002. Desde então aguarda uma renovação que se advinha complexa e dispendiosa. O destino a dar ao edifício continua em aberto, sendo que instalar aqui a faculdade de filosofia da Universidade Karlovo é uma das mais fortes possibilidades.

Para chegar a Invalidovna pode tomar o metro de linha amarela e descer na estação precisamente com esse nome. Poderá não valer a pena uma deslocação apenas para ver este edifício, mas um passeio a pé por Karlin recomenda-se e Invalidovna poderá ser incluído em tal percurso.

 

 

PARTILHAR
Artigo anteriorPraga em 4K (I)
Próximo artigoO Túnel de Zizkov
Ricardo Ribeiro viveu durante três anos em Praga, apenas pelo amor à cidade e um dia decidiu criar um website dedicado à sua paixão. Actualmente mantém os fortes laços emocionais e sociais com Praga e passa alguns meses por ano por lá.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here