Inverno, é o branco e o preto, sem ser em preto e branco, mas como se o fosse. É o tempo da neve, do gelo, das árvores desnudadas. É uma época com uma magia própria, e Praga sabe aproveitar estes momentos.

 visitante é rodeado do manto alvo, e terá que sair cedo pela manhã se quiser observar esta paisagem em todo o seu esplendor. Antes que o pisotear dos locais, nas suas azáfamas quotidianas sujem de castanho escuro de morte.

Fotografar o Inverno exige uma técnica específica, que infelizmente não domino. Há que lidar com os fortes contrastes, com a luminosidade agressiva que a neve reflecte mesmo nos dias mais carregados de núvens.

Na galeria que aqui apresento, com 23 fotografias, fiz o possível por transmitir o ambiente único de um país de neve, onde a natureza morre durante esses meses, para renascer mais à frente.

PARTILHAR
Artigo anteriorKaravensaraj
Próximo artigoKabul
Ricardo Ribeiro viveu durante três anos em Praga, apenas pelo amor à cidade e um dia decidiu criar um website dedicado à sua paixão. Actualmente mantém os fortes laços emocionais e sociais com Praga e passa alguns meses por ano por lá.

DEIXE UMA RESPOSTA